gallery/logo

MK FUEL, UMA HISTÓRIA DE SUCESSO

José Luiz Affonso

Em novembro de 2017 a MK Fuel, fabricante de combustível para modelismo, completou 15 anos de existência, um recorde se considerar as peculiaridades do mercado de modelismo no Brasil.

Ao longo dos anos várias empresas surgiram com a proposta de fabricação de combustível, um produto aparentemente fácil de fabricar, mas que se mal feito pode acarretar grandes prejuízos para os modelistas.

Visitamos as instalações da MK na cidade de Sumaré (SP) e batemos um papo com Marcos Kadayan que nos contou um pouco de sua história.

Hobby News: Como surgiu a idéia de fabricar combustível para modelismo no Brasil? Conte um pouco de sua história.

Marcos Kadayan: - Sou modelista desde criança, pratiquei plastimodelismo, ferreomodelismo e aeromodelismo. Em outubro de 2000 lancei o site Aeromania em homenagem a Santos Dumont e acabei me tornando representante de uma determinada marca de combustível nacional para modelismo que não deu certo. Em 2002 oficializei minha empresa e comecei a comercializar diversos acessórios para modelismo, inclusive o combustível Byron. Uma reclamação constante dos lojistas era a falta de opção para combustível glow. Poucas marcas disponíveis no mercado, combustíveis nacionais de baixa qualidade e os importados difíceis de importar e inconstância na disponibilidade do produto.

Percebi que havia um nicho de mercado para a fabricação de um combustível de qualidade. Comentei minha intenção com alguns lojistas que acharam a idéia ousada, mas me apoiaram.

HN: Como foi o inicio?

MK: - Meu primeiro passo foi procurar o SEBRAE para buscar orientação, mas eles tiveram muita dificuldade em entender meu projeto. Não conheciam nada de modelismo. Depois de muitas idas e vindas e uma apresentação completa de meu plano de negócios, meu projeto foi aprovado e com isso obtive o apoio do IPT – Instituto de Pesquisas e Tecnológicas da USP para o desenvolvimento da formula do combustível.

HN: Quais foram as principais dificuldades?

MK: - Muitas. A primeira e mais importante foi chegar a uma formula confiável e de qualidade. Depois toda a burocracia exigida para a fabricação de produtos químicos, além da burocracia para se constituir uma empresa. No inicio fechei uma parceria com a empresa Norquima que fabricava o combustível sob minha licença e o depósito era na garagem da casa de meus pais! Tentei registrar a marca Champion para o combustível, mas foi negada. Após um ano de parceria com a Norquima resolvi eu mesmo fabricar o combustível e me instalei na cidade de Guarulhos (SP) com maquinário novo. Isso foi em meados de 2004 quando fabricamos o primeiro lote.

HN: Como foram os testes iniciais do MK Fuel?

MK: - Foi difícil acertar a formula. Imagino que foram usados uns 200 litros em testes. Fizemos testes com os motores CB, do Daniel do Carmo, que após umas 10 horas de funcionamento os motores eram abertos e examinados. Fizemos também vários testes em pistas, clubes, com modelistas. Ao todo foi quase um ano testando e refinando a formula. Fornecemos combustível gratuitamente para vários pilotos de aero e auto para testes. Não posso me esquecer do saudoso Ivo Brasil (Barão Vermelho) que muito me ajudou no desenvolvimento da formula com testes, sugestões e conselhos.

HN: Como foi a recepção do combustível pelos modelistas?

MK: - Foi difícil convencer os aero e automodelistas que o MK Fuel é um combustível fabricado com qualidade e rigor técnico. O mercado estava cheio de aventureiros que misturavam no quintal de casa alguns produtos químicos sem qualidade e “a olho”, e vendiam o produto por um preço muito baixo só para fazer uma venda. Esses aventureiros estragaram muito o mercado e deixaram os modelistas muito receosos com os produtos nacionais.

HN: Quando você sentiu que a MK se firmou no mercado?

MK: - Foi no ano de 2006. Nossas instalações em Guarulhos estavam pequenas e a produção começa a ficar estrangulada com a quantidade de pedidos. Mudamos nossa sede para a cidade de Sumaré (SP) para um prédio maior com mais capacidade de crescimento. Nesse mesmo ano firmamos uma parceira com a Klotz, a mais importante fabricante de óleo para modelismo que é usado por todas as principais marcas de combustível do mundo. Até então tínhamos muitos problemas no controle de qualidade do óleo que importávamos da China e muitas vezes tivemos que devolver toda a importação por falta de qualidade. Com a Klotz resolvemos o problema de lubrificação.

HN: Como são os processos de fabricação do MK Fuel?

MK: - A formula do combustível MK foi inteiramente desenvolvida por mim com orientação e acompanhamento do IPT e da Norquima. Hoje a formula esta registrada no INPI. Cada lote produzido é testado para verificação de qualidade e temos um engenheiro químico que faz o acompanhamento. Depois que mudamos para Sumaré, compramos novos equipamentos e consolidamos uma equipe muito técnica e alcançamos um alto grau no quesito qualidade. Para dar uma idéia, em 2009 fomos aprovados pela O.S. para sermos os fabricantes do combustível para os motores BIO da O.S., infelizmente por questões comerciais não demos continuidade na fabricação. Além disso, como já disse, usamos produtos de alta qualidade, o óleo Klotz, nitrometano com pureza de 99,92% e outros.

HN: Em 2017 o Aerodesign tornou oficial o combustível MK. Como foi isso?

MK: - Definitivamente o combustível MK Fuel recebeu um certificado de qualidade inquestionável. Os leitores da Hobby News conhecem a competição que é promovida pela SAE-Brasil e após vários testes conduzidos pelo Brigadeiro Rodolfo da Costa Filho nosso combustível foi aprovado como combustível oficial da competição. Todas as 90 equipes concorrentes usaram o MK Fuel e durante todos os quatro dias de competição nenhuma equipe teve problemas por causa do combustível. Isso foi o congraçamento dos nossos 15 anos de atividades.

HN: E os próximos 15 anos?

MK: - O hobby/modelismo esta em constante mudança e estamos sempre atentos as novidades do mercado e tecnológicas que possamos incorporar ao nosso combustível ou em nossa linha de produtos, que hoje engloba automodelos HPI, pack e baterias, óleo de fumaça, after run, óleo silicone (que importamos), óleo Klotz para gasolina, aeromodelos e outros. Não posso deixar de dizer que devo muito a minha equipe que nesses anos todos vestiu a camisa da MK. É uma briga diária, mas gosto muito dessa briga.

gallery/asset 22
gallery/55
gallery/img_20180130_134819378_hdr
gallery/img_20180130_114206656_hdr